19.3.11

NO SUPERMERCADO

não endosso. mas admito que soe assim, às vezes

fui ao pão de açúcar comprar iogurte. antes de chegar à geladeira, passei pela seção de absorventes e lembrei que precisava de carefree. como o corredor ao lado era o de doces, não resisti a comprar um chocolate. diante de tanta variedade, eu (pacote de carefree na mão), alternava o ziguezague na frente da prateleira com um cara. que não se aguentou, olhou pra mim e, gargalhando, disse:

- mistura explosiva essa, hein? absorvente com chocolate. tpm na certa

repito: gargalhando. até me pediu desculpas por isso, duas ou três vezes, quando parou de rir para respirar.

eu também ri, óbvio. e até tentei falar que ainda não estava na tpm  e tal mas, no contexto, pareceu mentira. soou como uma tentativa de disfarçar, amenizar, esconder a vergonha. porque, pelo menos comigo, é mesmo isso que acontece na tpm: explosão.
sorte a dele que errou o período do mês.


imagem

Nenhum comentário: