13.4.11

NOS JETSONS PARECIA TUDO MUITO MAIS LEGAL



Eu não sou tecnológica. Assim, eu não vivo offline de jeito nenhum, mas não sou daquela que gasta dinheiro com gadgets ou novas versões -  mesmo porque sempre fiquei com o que foi do meu irmão mais velho. Que nem roupa, que vai passando, usada, do maior pro menor, sabe?

Claro que nunca tive do que reclamar. Até hoje, nunca tinha gasto um puto com esse tipo de coisa (mentira, teve aquele iPod de 60 GB, que ele me cobrou, mas deixou demorar meses pra pagar). Hoje, tomei vergonha na cara, e troquei meu iPhone - eu herdei um 2G, primeira geração, agora cheia amassados, buracos e durex. Mas, veja você, eu tenho esse iPhone desde 2008 e, mesmo morando aqui, que é mais barato, nunca me importei a ponto de trocar. Até chegava a cogitar, mas desencanava da ideia como quem vira a página de uma revista ao mesmo tempo em que assiste televisão.

Mas então surgiu a necessidade de ter um contrato (meu telefone, até então, era pré-pago) e já que é pra perder a virgindade, que seja logo com o modelo mais novo.

Foi fácil. Até eu abrir tudo em cima da cama, ligar o computador, deixar fios e janelas em ponto de bala pra que meu irmão me ajudasse a fazer (= fazer pra mim) por Skype e... ele estar mega ocupado, soltando fogo. Por isso tô aqui quebrando a cabeça por causa de coisas que uma menina de uns 11 anos faria com apenas uma mão já que usaria a outra pra tuitar pras amigas o quão anta tecnológica eu sou.

E o iTunes me obrigando a tomar decisões que fazem com que eu me sinta entre o fio azul e o vermelho da bomba.

Porque, mais cedo ou mais tarde, alguma coisa, se não explodir, vai ao menos parar de funcionar. Vou precisar do meu irmão. E mesmo que eu não ligue pra ele, pode acreditar, a menina de 11 anos vai ligar.

[eu uso o mesmo iPod de 60GB tijolão até hoje. uai, se funciona, vou trocar por que?]

imagem

4 comentários:

Long Haired Lady disse...

todos nós , um dia temos que nos render! rs

co relação ao cabelão, eu tambem estou na mesma duvida…rs
passei anos com cabelão, depois passei anos com cabelos curtinhos e fashion, agora com cabelão querendo o corte da Scarlet Yohanson…rs

iva disse...

Isaaaa.... eu sou pior que vc.
Sabe oque um amigo meu me disse quando viu meu telefone de disco (!!!) aqui em casa?

"vc é tão analógica, né Iva? Vc é minha amiga analógica!"

hahahaha! adorei o apelido. Sou mesmo!

Isabela disse...

e eu queria o da jennifer aniston, mas estraguei a franja... vou lá te contar no seu blog.

***

mas iva, uma coisa é uma coisa e outra coisa é outra coisa. telefone de disco é tudo, também tenho, óbvio (será então que é tudo a mesma coisa?)

saianarua disse...

isabela,
foi muito bacana ler seu comentario la no saia, obrigada.
as vezes eu fico achando que falo sozina, essa semana mesmo fiquei meio em crise...nem postei...
por isso tb foi bastante especial ler o seu comentario, na verdade foi um presente.
agora qto ao telefone bem...o meu celular eu comprei no supermercado a uns 5 anos atras. E do tipo q so liga, recebe chamadas e da para mandar sms (UAU!!)mas eu uso pouco o sms pq para escrever cansa, tem q ficar apertando o numero ate chagar na letra, sabe como e?
o mais assutador e q eu nao quero ter outro!
ah e acabei de herdar o ipod velho do meu marido para usar na minhas aulas de yoga. sei q da primeira leva mas nao tenho a minima ideia de quantos gigas tem...por tudo isso achei vc super tecnologica ;)
grande abraco,
P.