18.7.11

O PIPI DO PAPAI, Ó MEU DEUS, ESCONDE DA CRIANÇA


Eu não disse com estas palavras mas o fim do mundo chegou e salve-se quem puder. O que me faz ter certeza agora não é um fato novo, e sim um que ouvi (e tinha esquecido) no diálogo passado: pais que levam seus filhos para dentro do box e, nus, se posicionam com eles embaixo do chuveiro, serão condenados no juízo final.

Porque pais tomarem banho com os filhos é vexaminoso. É errado. É pecado.

Agora eu entendo todas as brigas lá em casa. Cometemos o pecado original das famílias que nascem e crescem. Já no primeiro filho começaram os banhos coletivos. Veio o segundo, a terceira e a suruba higiênica estava completa. Se já é erradíssimo misturar os pipis dos filhos com o pênis do papai, imagina com a ______ (insira aqui seu apelido de infância) da filhinha. E com a vagina da mamãe, então... (embora pouco da minha se visse por detrás da farta pelagem anos 70).

Para piorar, o pecado é hereditário. Os filhos, que cresceram e se multiplicaram, fazem agora isso com os próprios filhos. Que são netos, e fazem com os avós. O que será de um mundo em que se mistura o pipi da criança com a depilação cavada da vovó?

Nosso núcleo familiar foi abalado no início dos tempos por tão sujo pecado. Nos amaríamos mais, brigaríamos menos. E pensar que banhos coletivos (por que não dizer grupais?) nos impediram de ser a família mais feliz do mundo, a família doriana.

Mas ainda há tempo. Tenha piedade, senhor, pelo que vivi no passado. Eu era criança e não tinha consciência. Juro sobre a bíblia plastificada (a mesma que lerei, sozinha, durante o banho) que nunca levarei os filhos que pretendo ter para dentro do box e, jamais, nua, me posicionarei com eles embaixo do chuveiro.

...

Agradeço aos meus flatmates por terem aberto meus olhos a tempo.



[minha mãe vai duas vezes pro inferno porque ela nunca deu apelidinho pra minha... xoxota. ela chamava de xoxota mesmo. e a mãe da minha melhor amiga, a guiga, chamava de xotinha. hoje, soa mezzo filme B pornô, mas eu achava super fofo e ficava constrangidíssima pelo jeito que minha mãe falava. o que deve valer alguns pontos a mais na minha absolvição, não? so prude I am, oh god!]

imagem

5 comentários:

Amanda disse...

Gente, mas vc foi arrumar esses flatmates onde, heim? Na convenção anual do opus dei? So se for! Agora vou torcer mais ainda pra vc conseguir logo o apê!

Isabela disse...

Que mais posso eu te responder senão que, fia, joguei pedra na cruz em algum momento da minha existência...

Menina Eva disse...

Isabela, xoxota JÁ É um apelido! :D

(Minha mãe chamava de xoroca, que eu hoje em dia acho ridííículo!)

E eu tomava banho com meu pai e minha mãe AO MESMO TEMPO, ó céus, protegei-nos. :D

Isabela disse...

Hahahaha mas sou beeem mais xoroca que xoxota (é vero, é apelido, mas vai...) :-P

Gab disse...

hahahaha.
Na minha família nunca acontecia isso. Mas já tomei banho com a minha irmã quando éramos criança. Aí eu não vejo problema.
Beijo!