18.9.12

O QUE EU FIZ HOJE. NO MESMO LUGAR DO FILME




A prática chama Yoga Livre e esses suportes (que lembram as kuruntas do Iyengar, mas só lembram), chamam Adhara e te permitem ficar pendurado e soltar o corpo "sem controle e com perfeição porque somos naturalmente livres". A filosofia que embasa esse estilo chama AYA - Asana Yoga Adhara, "o resgate espontâneo do corpo sobre todas as superfícies que a natureza oferece, sem ângulos e retas".

Aqui, que foi de onde eu tirei todas essas aspas, explica tudo e tem várias fotos, inclusive da prática no meio da floresta.

O mais lindo é que o mestre, o Edson, vai falando coisas incríveis, mas incríveis mesmo, enquanto te guia pelas posturas. Hoje ele falou sobre coração. E tocou o meu.

Logo mais tô de ponta cabeça numa Adhara entre muitas árvores e o nada.

[o que escrevo aqui tem se realizado. ando meio impressionada]

Um comentário:

Nina disse...

Gosto das pessoas que fazem coisas diferentes, sabe? Eu mesma acho que nunca tinha ouvido falar dessa nova atividade sua. Achei interessante. E entendo o seu empenho e vontade de tratar do assunto. Estou assim também, só que mais com um livro, haha.
Abraços.